Endereço PRAÇA PROFESSOR PEDRO FECCHIO, 248 - CENTRO - CEP: 87220-000
Telefone (44) 3607.1280

AMANHÃ VAI SER OUTRO DIA" É O TEMA DA 14ª CONFERÊNCIA MUNICIPAL DE SAÚDE

Quinta-feira, 30 de março de 2023

Última Modificação: 24/04/2023 12:44:47 | Visualizada 52 vezes


Ouvir matéria

A Conferência contou com a palestra de Sandra Cristina chefe da 13º Regional em Cianorte.

Na manhã da última quinta-feira (23), ocorreu na casa da cultura de São Tomé a 14ª Conferência Municipal de Saúde, com o tema “Garantir direitos e defender o SUS, a vida e a democracia – Amanhã vai ser outro dia”. O objetivo principal do evento é envolver os segmentos da sociedade local na construção de propostas e metas de ampliação referentes aos serviços e ações de saúde no Sistema Único de Saúde (SUS).

 

A conferência é um importante espaço de diálogo entre o poder público e a sociedade, e tem como objetivo construir juntos políticas públicas voltadas ao SUS. São Tomé hoje vive um momento de pleno desenvolvimento na área de saúde. A conferência serve para construir junto à sociedade, soluções para os desafios que vêm pela frente.

 

“Eu digo pra vocês, a nossa vida é  feita de momentos, e alguns deles talvez tragam algo de bom no futuro que é incerto, nós podemos deixar coisas boas plantadas, coisas boas para que as pessoas que estiverem aqui possam usufruir de maneira satisfatória, usar de maneira que realmente seja melhor que para nós hoje, por isso a importância dessas conferências, pois estamos planejando o futuro e você planejar o futuro não quer dizer que você vá usufruir, porque isso e o ciclo da vida, não sabemos o dia e a hora de cada um, mas o mais importante de tudo é o hoje, o que nós estamos fazendo aqui, planejando o futuro de repente para os nossos filhos, pros nossos netos, e talvez pra nós.", disse o prefeito Ocelio Leite durante a sua fala na abertura da convenção.

 

A secretária de Saúde do município, Vera Garcia, destacou a importância do evento: “Ser gestora não é fácil. Temos muitas dificuldades e muitos desafios, mas estamos confiantes que essa conferência trará bons frutos para este ano.”

 

Eixos aprovados na conferência

 

Eixo 01 - O Brasil que temos e o Brasil que queremos:

 

*O Brasil que temos no momento é um país dividido politicamente que reflete um desequilíbrio de opiniões e consequentemente uma instabilidade social e econômica.

 

*O Brasil que queremos é onde a justiça social prevaleça resultando em igualdade das classes e consequentemente uma vida mais digna para todos.

 

*Revisão da tabela SUS com objetivo de diminuir fila em atendimento de saúde pública.

 

Eixo 02 – O papel do controle social e dos movimentos sociais para salvar vidas:

* Identificar o trabalho de prevenção em saúde a nível municipal e estadual.

*Capacitação dos conselhos de saúde dos municípios no âmbito municipal e estadual.

*Fortalecer os movimentos sociais a fim de combater os retrocesso dos programas sociais dos últimos anos.

*Fortalecer a participação da comunidade em espaço de discussão a exemplo do conselho.

*Reafirmar a igualdade da assistência à saúde combatendo preconceitos ou privilégio das classes.

*Revisão da tabela SUS.

 

Eixo 3- Garantir direitos e deveres, o SUS, a vida e a democracia:

*Unir forças através da divulgação da importância do SUS para todos.

*Caps regional com urgência

*Lutar para converter emenda parlamentar de acordo com a realidade e necessidade de cada município.

*Desenvolver princípios e diretrizes do SUS a fim de fortalecer os parâmetros que norteiam a saúde pública fazendo com que os recursos cheguem até os municípios.

 

Eixo 4 - Amanhã será um outro dia para todos:

*Esperança e luta coletiva é o que precisamos para construir um novo amanhã

*Igualdade social sem restrição de classe ou gênero em atendimento de saúde pública e outras políticas públicas.

 

No final da conferência alguns membros do conselho comentaram sobre o tempo disponível para tomada de decisões que são feitas durante o evento, que no caso, é insuficiente para decidir e aprovar os eixos que serão aprovados e implantados futuramente no sistema de saúde.

 

Participaram do evento o prefeito municipal Ocelio Leite, secretária de Saúde Vera Garcia, a chefe da 13º Regional de Saúde Regina Batista, o pastor da igreja batista de São Tomé e presidente do conselho municipal de saúde Edi, vice prefeito Castelo do Gás, a diretora do colégio estadual Pedro Fecchio, a diretora Helena Franzoia do Santos Dumont, Rosangela Alda da escola municipal 25 de Julho, Renan Gorla, os vereadores Antônio Favoretto, Claudemir Louzada, Erivaldo da Cruz além, de membros do conselho tutelar, servidores e pessoas da comunidade.

 Veja Também